Página Inicial » Óxido Nítrico » Friction da VPX – Como tomar, relatos, preço e onde comprar esse pré-treino

Friction da VPX – Como tomar, relatos, preço e onde comprar esse pré-treino

Artigo review sobre o pré-workout Friction da VPX SPORTS. Veja como ele funciona, possíveis efeitos colaterais e relatos de quem já tomou.

Friction VPX Sports

O que é

O Friction da VPX é um suplemento alimentar indicado para praticantes de atividade física. O Friction da VPX é um suplemento pré-treino, ou seja, deve ser consumido antes do treino. Ele é produzido pela VPX/Readline Sports Nutrition and Performance Beaverages. Essa empresa está sediada na Flórida, EUA.

Friction VPX contém principalmente creatina, aminoácidos e um composto dopaminérgico. O fabricante alega que esse produto é o primeiro a conter uma substância que recebe o complicado nome de isopropyloctopamine.

Como funciona

A creatina que o Friction VPX contém fornece energia para as atividades físicas. Nosso organismo produz creatina a partir de aminoácidos. Isso significa que a base da produção de creatina está em uma alimentação que inclui proteína de origem animal.

O Friction VPX também contém o aminoácido beta-alanina. Ele é produzido pelo corpo e participa da formação da carnosina, outro aminoácido, esse sim responsável por diminuir a fadiga. Então, a porção a mais de beta-alanina oferecida pelo Friction VPX pode potencializar os efeitos da carnosina, ou seja, ajudar a manter o pique durante os exercícios intensos.

O fabricante especifica apenas com a marca “NootropX” o composto dopaminérgico que existe no Friction VPX. Um composto dopaminérgico age sobre os receptores da dopamina, que é um neurotransmissor. A dopamina é produzida por alguns dos neurônios do mesencéfalo. Então, esse composto dopaminérgico age como um estimulante do sistema nervoso central, fazendo com que o praticante de atividade física tenha mais concentração.

O componente do Friction VPX para o qual os atletas e fisiculturistas devem ficar mais atentos é a isopropyloctopamine beta-adrenérgica. Também chamada de Deterenol, a isopropyloctopamine não é uma substância naturalmente oferecida por nossos neurônios. Estudos recentes vêm registrando a adição de substâncias imitadoras dos efeitos da adrenalina em suplementos como o Friction VPX. Essa é uma dessas substâncias. O objetivo dessa adição é deixar você “ligadão”.

Em maior quantidade no organismo, a isopropyloctopamine vai atuar com mais freqüência sobre os receptores das células adiposas. Essas células aumentam então a produção de calor (termogênese). A consequência disso é o uso da gordura estocada nas células e a redução do peso corporal.

Quais são os benefícios

O Friction VPX promove a formação rápida e instantânea de moléculas de ATP. Essas moléculas são as que fornecem energia para a execução de todos os processos fisiológicos do corpo. O Friction VPX também é capaz de aumentar a retenção de creatina e carnosina no corpo, o que auxilia a hipertrofia muscular. Além disso, o Friction VPX pode ajudar na redução da gordura corporal e na melhora da performance durante os exercícios.

Quais são os efeitos colaterais do Friction VPX?

O Detenerol, assim como outros estimulantes produzidos em laboratório, agem diretamente sobre o sistema nervoso central. São componentes novos no mercado com ação semelhante à de drogas velhas conhecidas, como a efedrina. Proibida de ser usada na indústria farmacêutica, a efedrina era um dos componentes dos descongestionantes.

Muitas dessas substâncias estimulantes presentes em suplementos como o Friction VPX não foram testadas de forma rigorosa quanto à segurança a ponto de serem consumidas rotineiramente sem causar danos à saúde. Esses aceleradores mentais oferecem certas vantagens. Mas os efeitos colaterais ainda são bem desconhecidos pelos pesquisadores.

Um relato de intoxicação hepática em um paciente de 20 anos que tomava Friction VPX apareceu na revista Pharmacotherapy no final de 2015. Embora o paciente tenha se recuperado após o tratamento, os sintomas pelos quais passou não foram nada agradáveis: náusea, dor abdominal e calafrios.

É claro que não podemos supor que essa situação vá se repetir com todo consumidor do Friction VPX. Muitos fatores estão em jogo. Ao mesmo tempo, é bom lembrar que o fígado é responsável pelo processamento de drogas e hormônios. Assim, o melhor é poupar esse órgão.

Como tomar corretamente

O fabricante recomenda usar entre 1/2 e 2/3 da medida por dia até que você se habitue ao suplemento. Quando estiver adaptado, misture uma medida do produto com aproximadamente 240 ml de qualquer bebida de sua preferência e beba. Tome bastante água enquanto estiver fazendo uso do Friction VPX.

Você não deve tomar o Friction VPX enquanto estiver usando outro suplemento ou bebida que tenha propriedades estimulantes. Bebidas que contenham cafeína (café, energéticos e alguns refrigerantes) também devem ser evitadas.

No rótulo do Friction VPX encontramos as seguintes recomendações para quem se interessa pelo produto, mas ainda não começou a usá-lo:

Os atletas participantes de competições devem consultar os comitês organizadores

Pessoas com idade inferior a 18 anos e mulheres grávidas ou que estejam amamentando não devem usar o produto

Se você é portador ou tem histórico familiar de doença cardíaca, disfunção da tireoide, diabetes, hipertensão ou depressão, consulte um médico.

Preços e onde comprar

Realizamos uma pesquisa na internet que nos retornou 4 lojas de suplementos alimentares vendendo o pré-treino Friction. Em média o preço da embalagem com 345g contendo 30 doses, ficou entre R$200,00 até R$237,00.

Comprar o Friction da VPX pelo menor preço

Relatos, o Friction é bom mesmo?

Como o produto chegou recentemente no Brasil, ainda existem poucos relatos sobre os resultados do Friction. Se você já utilizou ou ainda está utilizando esse suplemento pré-treino, por favor, ajude os próximos leitores deixando seu relato sobre os resultados logo abaixo em nossa área de comentários. Obrigado e bons treinos.

Um comentário

  1. Excelente artigo. Mandaram mto bem!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curta-nos no Facebook!